.posts recentes

. Carência

. Vida

. Lascas...

. Poeira agitada

. Silêncio

. Passarinho

. Cair, se ferir, levantar

. Deve ser

. Inspiração

. Areia

.arquivos

. Agosto 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

Segunda-feira, 2 de Fevereiro de 2009

Lascas...

 

Queria muito ter lascas de grafite bruto em minhas mãos e com elas,
rabiscar livremente as imagens e figuras que vagueiam na mente em momentos como este.
Não tenho firmeza nos pulsos, os rabiscos nãos seriam tão precisos, mas o sentimento também não é.
Dispenso a aquarela. Não há cores nas tormentas que balançam o meu coração.
Há uma tempestade em preto e branco, com mares revoltos que respingam em meus olhos o sal do desespero.
Não há um desenho ordinário e
Sequer consigo ver o contrário das coisas tão duras que me abatem e desconheço.
São forças íntimas, esmagadoras, ocultas sempre!
De longe reveladoras...
Estou só. Procuro conforto em travesseiros imaginários e colos imaculados.
Eu peço perdão pela ausência de fé, já acreditando ser ela a única a me deixar de pé.
Eu choro por dentro, as lágrimas vem sem alento.
Eu agüento o tentar todos os dias em vão.
Arrasto correntes, não é tão novo o meu presente,

Eu preciso enxergar o que cega o meu coração!

sinto-me: so tired...

publicado por fitasdecetim às 13:55

link do post | comentar | favorito
|

.Marian?

.pesquisar

 

.Agosto 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.tags

. todas as tags

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds